Mercado Bairro
Grupo Fechado
Participar do grupo
Este grupo foi criado para anúnciar produtos de moradores da Zona Sul e Centro do Rio de Janeiro.

Você conhece o nosso trabalho?

  • Temos classificados gratuitos;
  • Temos grupos para assuntos de seu interesse, crie o seu e mostre-se;
  • Nossos classificados são publicados automaticamente em nossa página do Face;
  • Você pode publicar diretamente em nosso grupo do Face;
  • Nossos lojistas são publicados em todas nossas redes sociais;
  • Veja nossos anúncios institucionais em nosso painel Youtube;
  • Como lojista, você pode criar uma loja e nós vendemos pra você;

Precisamos de sua ajuda para continuarmos com nosso trabalho de forma gratuita. Siga-nos e curta nossas redes sociais.

Equilíbrio: Conheça o Ikigai, a filosofia japonesa que busca a razão de ser

Ikigai (em japonês生き甲斐) é uma palavra japonesa que significa “razão de viver”, “objeto de prazer para viver” ou “força motriz para viver”.[1] Existem várias teorias sobre essa etimologia. De acordo com os japoneses, todos têm um ikigai. E descobrir qual é o seu requer uma profunda e, muitas vezes, extensa busca de si mesmo. Porém, essa busca é extremamente importante porque, somente a partir dela, é possível trazer satisfação e significado para sua vida.

Portanto, Ikigai é um estilo de vida que traga Harmonia, Longevidade e a Satisfação Plena nas diferentes áreas da vida, permitindo assim alcançar a Razão de Ser ou Propósito para a sua existência. A busca pelo sentido na vida está (na sociedade moderna) profundamente ligada ao entendimento de Quem Somos (nossas crenças, relacionamentos, cultura, formação, etc), mas também em boa parte sobre O Que Fazemos (profissão, vocação, trabalho, lazer, etc). Assim, em muitos casos nossa percepção sobre nossa Razão de Ser dificilmente estará completa sem encontrarmos consonância entre o que somos e o que fazemos. Em outras palavras, em um mundo no qual nossa identidade apresenta uma profunda correlação entre o ser humano e seu trabalho (talvez um vício da sociedade industrial), são poucas as pessoas que se sentem felizes e com seu propósito realizado sem ter compreendido aspectos pessoais e profissionais.

Por isso mesmo, no círculo Ikigai observamos a clara correlação entre estes aspectos, ajudando a compreender e detalhar cada um deles. Não se trata de definir o ser humano por meio de seu trabalho (algo que poderia soar como alienante e utilitarista). Pelo contrário, a proposta da filosofia Ikigai é a “desalienação” do trabalho enquanto obrigação social, para uma visão mais humana, na qual podemos encontrar sentido e satisfação naquilo que realizamos.

fonte